Em seu discurso na abertura oficial da 51ª Edição Exposição Nacional do Agronegócio de Conquista, o presidente da Coopmac (Cooperativa Mista Agropecuária Conquistense) Jaymilton Gusmão Filho, fez uma análise do momento econômico regional, em especial de Vitória da Conquista, considerando as dificuldades vivenciadas pela produção agropecuária, seja em razão da seca – uma das maiores dos últimos cem anos -, seja em razão do cenário da economia nacional, e conclamou produtores, políticos e sociedade a se unirem em um grande pacto em prol do desenvolvimento regional.

Participaram da abertura o prefeito da cidade, Herzem Gusmão, os deputados estaduais Eduardo Salles e Jean Fabrício Falcão, o secretário estadual de meio ambiente, Geraldo Reis, o superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Ismael Boaventura, o presidente da Câmara de Vereadores, Herminio Oliveira, dentre outras autoridades.

Para Jaymilton não é possível superar as dificuldades e retomar o desenvolvimento sem união. “O mote da nossa exposição deste ano é a união. É hora de juntar tudo, o grande com o pequeno, o campo com a cidade. Precisamos construir a nossa história e temos força para isso. Este evento só se justifica se sairmos daqui com soluções para as grandes questões que afetam a nossa agropecuária e a nossa cooperativa serve como o instrumento catalizador dessas ações.

A solenidade de abertura também foi marcada pela homenagem da Coopmac ao locutor e colaborador Moacyr Figueira, que encerra sua participação com a “Voz da Exposição”. Moacyr recebeu das mãos do mais antigo presidente da cooperativa, Guilherme Lamego, um lindo troféu de agradecimento. Além de Lamego vários outros ex-presidentes, como Nelson Quadros, Fernando Ruy e César Nery.

Fonte: Blog do Rodrigo Ferraz.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.